borderline, livro 

eu encontrei esse livro despretensiosamente numa Americanas ou ele me encontrou? eu me apaixonei por essa descrição na contra capa e tive o impulso de trazer pra casa, quando abri fiquei feliz de ver que o autor é um rapaz negro e depois de uma lida muito rápida por algumas páginas, parece que alguns trechos poderiam ter sido escritos por mim. lerei com calma e cuidado afinal mesmo que todas as pessoas intensas não sejam bordelinez todo borderline é muito intenso.

Follow

OCR Output (chars: 1127) 

@abacaxi
Image 1:
Couldn't read this image, sorry!
OCRbot works best with plain black text on a plain white background. Here is some information about what it can and can't do: github.com/Lynnesbian/OCRbot/b

Image 2:
demais, ou
porque você é
simplesmente
amor demais.
E algumas
pessoas têm
medo do amor.

je em d

medo danado disso.
ser intenso é sentir o gosto,

o cheiro, o toque, a textura da pele
de um jeito diferente.

o coração é grande demais,

e às vezes isso dói também,

é que ao mesmo tempo que há
espaço de sobra

há muita gente pequena no mundo.

tenho uma mania absurda de achar
que o outro vai agir da mesma maneira
transparente que eu,

que o outro vai se preocupar comigo
do mesmo modo que me preocupo,
que o outro vai querer

na mesma intensidade que quero,

e isso é uma droga.

não sei ser pouco, não sei gostar um pouquinho e
guardar pra mim o que sinto,

sou intenso, sinto muito, sinto grande.

sinto tanto que sempre acho que o problema

está em mim por sentir demais, quando, na verdade,
as pessoas que não estão prontas

pra tamanha imensidão,

Sign in to participate in the conversation
Lynnestodon

@lynnesbian@fedi.lynnesbian.space's anti-chud pro-skub instance for funtimes